segunda-feira, 25 de julho de 2011

Qualidade na Educação para o Progresso do País.

  " Sem educação de qualidade, o Brasil não vai conseguir se desenvolver e um choque positivo na sala de aula está ao alcance do próximo presidente."   
                                 (Roberta Paduan)

    Os jovens que estão recebendo recebendo educação ruim hoje terão menos sucesso profissional individualmente, e juntos, eles reduzem a capacidade de crescimento do país.   O Brasil pode aumentar a geração de riqueza caso consiga fazer uma reforma educacional nos próximos 20 anos e colocar os estudantes brasileiros no mesmo nível dos estudantes de países desenvolvidos.
O Brasil tem iniciativas entre as mais inovadoras do mundo.  É preciso agora avaliar cada uma delas para disseminar as que realmente dão resultado.
Claudia Costin, secretária municipal de Educação do Rio de Janeiro,  afirma que "A sala de aula é uma espécie de caixa-preta, que precisa ser aberta".
Algumas escolas públicas ão cumprem o currículo previsto para p ano letivo em que se encontram.  É muito comum que os estudantes da mesma série, mas de classes vizinhas, estudem conteúdos diferentes ao longo do ano.  A unificação do currículo escolar é uma das medidas fundamentais para melhorar a qualidade de ensino no Brasil.  O currículo estruturado ajuda a aumentar o aproveitamento da aula, aumentando o controle do trabalho do professor, tanto pelo diretor e por outros professores quanto pelos pais, pois quando todo mundo sabe o que deve ser ensinado e o que deve ser aprendido, fica mais fácil supervisionar, medir e corrigir a rota.
O Currículo deve ser detalhado e dividido por ano e, em seguida, por bimestre, de maneira que todas as escolas passem a ensinar o mesmo conteúdo ao mesmo tempo.
A maneira mais eficiente de promovera justiça social, seria ensinar os alunos que moram em locais menos favorecidos os mesmos conteúdos das escolas mais caras.
O Brasil deveria investir mais na Educação, porém para isso deve-se passar por uma mudança de gestão.  É comum que alunos e pais só percebam a presença do diretor do colégio quando o estudante se mete em alguma confusão.  Ficar enfurnado dentro de uma sala, resolvendo atividades burocráticas e participando muito pouco das atividades realizadas nas atividades dos professores no espaço escolar.  Depois do professor,  diretor é a figura com maior impacto no processo de aprendizagem.  O diretor deveria se transformar em gestor escolar, pois a boa gestão depende do acompanhamento sistemático de informações de qualidade.  O gestor é o dinamizador,  incentivador do processo educacional e a qualidade na educação depende, não só, mas primordialmente do envolvimento do gestor.

Nenhum comentário: